Algumas funcionalidades do website poderão não funcionar correctamente, por favor active o Javascript no seu browser.
10 Agosto, 2021

A importância do sono

Ter um bom sono é fundamental ao longo da vida e mais ainda em fases de desenvolvimento fundamentais como a primeira infância. Do sono de qualidade depende a memória, o desenvolvimento do sistema nervoso central, o restabelecimento de vários sistemas, a recuperação de energia, o assegurar de várias funções hormonais, a capacidade de defesa de infeções, entre outras funções essenciais ao corpo humano. É importante aprender a regular o sono desde a mais tenra infância e, para os pais e cuidadores, este é também um grande processo de adaptação.

 

Hoje a sociedade compreende melhor a importância do sono, mas, apesar disso, os estudos apontam para grandes défices de sono na população ativa, incluindo Portugal. A mudança dos estilos de vida das sociedades industrializadas, tanto dos pais como das crianças, implicou a mudança do padrão de hábitos de sono. Os especialistas apontam a precaridade do emprego, as múltiplas solicitações dos pais ou cuidadores, e o acesso a uma diversidade de equipamento eletrónico, entre os fatores que mais têm pesado nesta questão.

 

Pouca disponibilidade para bons hábitos

Pais que têm pouca disponibilidade para acompanhar filhos pequenos ao final do dia tendem a rodear a questão de outra forma, iniciando muitas vezes uma espécie de círculo vicioso de “associações inadequadas” ao início do sono, que depois se perpetuam ao longo da noite. As crianças acabam por exigir a presença da mãe/pai para readormecer várias vezes de seguida. De manhã, criança e pais estão esgotados com efeitos adversos no âmbito profissional, escolar e familiar.

Os bebés, por exemplo, dormem de forma mais descontínua, mais despertável, e são mais influenciados pelo que acontece no seu dia e pelos estímulos que recebem face a um adulto. E há razões biológicas para tal: este tipo de fisiologia do sono do bebé protege a sua saúde e desenvolvimento.

Quantas horas de sono são necessárias nos bebés e crianças?

A Sociedade Portuguesa de Pediatria e a Associação Portuguesa de Sono regem-se por uma tabela de duração de horas sono recomendada por faixa etária:

0-3 meses: 14 a 17 horas
4-11 meses: 12 a 15 horas
1-2 anos: 11 a 14 horas
3-5 anos: 10 a 13 horas
6-13 anos: 9 a 11 horas
14-17 anos: 8 a 10 horas
18- 25 anos: 7 a 9 horas 

 

A insuficiência ou a perturbação do sono pode ter efeitos nefastos na criança, não só a curto como a longo prazo. É fundamental mudar hábitos através da educação de pais, crianças, professores e empresas, sabendo que regras importantes para a higiene de sono, em bebés e crianças são, entre outras: rotina consistente da hora de deitar, calma e segurança, promoção de autonomia, evitar de estimulantes (chocolate, açúcar, etc.) e limitação da utilização de equipamentos eletrónicos, respeitando a individualidade de cada criança.

 

Siga estas dicas para uma melhor higiene de sono das crianças:

  • manter horários regulares de refeições e sestas durante o dia;
  • ter uma rotina de adormecer consistente, repetida do mesmo modo diariamente, e iniciá-la algumas horas antes de deitar;
  • reforçar a autonomia no momento de adormecer, sendo ideal que o bebé seja colocado no berço ainda acordado e seja capaz de adormecer sem a presença dos pais;
  • deve evitar-se que a criança adormeça a comer, de modo não criar uma associação entre a alimentação e o sono;
  • nos pequenos despertares noturnos, que são normais, aguardar para que o bebé tenha a oportunidade de readormecer sozinho. Se for mesmo necessário consolar com colo, alimentar, trocar fralda, este processo deverá ser rápido, com luz diminuída e pouca estimulação, para que o bebé perceba que este é o momento de dormir;
  • devem evitar-se as atividades estimulantes nos momentos que antecedem o deitar, fugindo da muita luz, de música muito agitada ou de jogos muito movimentados. Deve optar por jogos calmos, desenhos, música calma ou leitura de histórias, e promover momentos tranquilos, de afetividade e interação em família.

 

Referências:

Higiene do sono na criança e adolescente, Guia da Sociedade Portuguesa de Pediatria e Associação Portuguesa de Sono;
https://nocs.pt/saude-infantil/
http://www.arsnorte.min-saude.pt/wp-content/uploads/sites/3/2019/01/Manual_Saude_Infantil_Juvenil.pdf

Artigos Relacionados

  • 1ª Semana

    Este é um momento fantástico e deveras emotivo. Leia os nossos conselhos sobre como cuidar de si e do seu recém-nascido.
    Ler mais
  • 2ª Semana

    O seu bebé tem apenas duas semanas de idade, mas já começam a ocorrer mudanças. Descubra quais são as metas importantes que o seu bebé poderá alcançar…
    Ler mais
  • 3ª Semana

    As noites mal dormidas estão a afetá-la? Leia as nossas dicas sobre como lidar com a falta de sono e saiba como os sentidos do seu bebé estão a evolui…
    Ler mais

Apoio ao cliente
Entre em contacto com
as nossas especialistas