Bebé ingere refeição rica em proteínas

O que são as Proteínas?

As Proteínas são constituídas por aminoácidos, as pedras basilares das células humanas. Descubra de que quantidade de proteínas precisa para ajudar o desenvolvimento saudável do seu bebé. 

Por que razão as Proteínas são importantes?

As proteínas ajudam o seu organismo a funcionar corretamente, construindo, mantendo e reparando as células, tecidos e órgãos. Estas moléculas grandes constituídas por aminoácidos são as pedras basilares dos músculos, pele e ossos. De facto, as proteínas representam 20% do nosso peso corporal total. Ao longo do desenvolvimento inicial, desde a gravidez à primeira infância, é essencial manter um aporte regular de proteínas de boa qualidade para criar células saudáveis. No entanto, o excesso de proteínas, provenientes em particular de elevadas fontes de gordura, pode contribuir para a obesidade na infância e mesmo noutras fases da vida.

De que quantidade precisamos?

Descubra a quantidade saudável de proteínas para cada estádio da sua gravidez e do desenvolvimento do seu filho nos primeiros anos de vida.

 

Níveis recomendados de proteínas na gravidez 

 

A Ingestão Dietética de Referência (IDR) recomendada para as mulheres grávidas é de 71g de proteína por dia.


Recomenda-se que coma três ou quatro porções de alimentos ricos neste nutriente por dia para uma gravidez saudável. Apresentamos-lhe sugestões repletas de proteínas saudáveis no final deste artigo e pode verificar a sua ingestão diária com a nossa Ferramenta de Nutrição e Desenvolvimento.

 

Quais as necessidades de ingestão de proteínas durante a amamentação? 

 

As suas necessidades de proteínas permanecem mais elevadas do que o normal durante a amamentação. Procure ingerir cerca de 71 g por dia. Isto ajudará a produção de leite materno e garantirá que o seu bebé recebe proteínas suficientes para ajudar o seu crescimento e desenvolvimento. Apresentamos-lhe sugestões repletas de proteínas saudáveis no final deste artigo e pode verificar a sua ingestão diária com a nossa ferramenta de Nutrição e Desenvolvimento.

 

Do desmame à primeira infância 

 

Dos 7 aos 12 meses, o seu bebé irá começar a obter algumas das suas proteínas a partir de alimentos sólidos, bem como do leite. Deve procurar dar-lhe cerca de 11 g por dia. Entre 1 a 3 anos de idade, esta necessidade aumenta para 13 g.
Apresentamos-lhe a seguir sugestões repletas de proteínas saudáveis para o seu filho e pode verificar a sua ingestão diária com a nossa ferramenta de Nutrição e Desenvolvimento.

Que alimentos são boas fontes de proteínas?

Existem duas principais fontes de proteínas:

Proteínas de origem animal

Carne: Carne de Vaca Magra, Carne de Porco, Borrego, Frango sem Pele

Peixe: Salmão, Cavala, Anchovas, Sardinhas

Produtos lácteos: Leite, Queijo, Iogurte, Ovos

Proteínas de origem vegetal

Feijão, Tofu, Lentilhas, Frutos Secos de Casca Rija, Sementes

 

 

 

 

 

 

 

Embora os produtos de origem animal contenham proteínas completas (contém todos os 9 aminoácidos essenciais), e os produtos de origem vegetal não, comer proteínas de origem vegetal (cereais e leguminosas), ao longo do dia, irá garantir que obtém todos os aminoácidos de que precisa. Isto é designado por Complementação Proteica.

 

Devido à importância do cálcio e da Vitamina D para o desenvolvimento e a saúde a longo prazo do seu bebé, recomenda-se que as mulheres grávidas e que amamentam obtenham um terço das suas necessidades proteicas a partir de fontes lácteas. Deve dar-se preferência às versões magras. Os produtos lácteos continuam a ser importantes durante o desmame e a primeira infância. Certifique-se de que o seu filho ingere pelo menos 2 porções de produtos lácteos gordos por dia.

 

É importante fornecer proteínas suficientes para cada estádio dos primeiros anos de vida do seu filho desde a gravidez em diante. Ajuda o crescimento e desenvolvimento do seu bebé agora e sustém a sua saúde futura. Utilize a nossa Ferramenta de Nutrição e Desenvolvimento para ajudá-la a controlar a sua ingestão de proteínas e a do seu bebé.