O Natal e a gravidez

O Natal e a gravidez

O Natal é uma época de muitas cores, luzes típicas, presentes, azáfama de familiares e amigos em casa, e é também uma altura em que as pessoas cometem alguns excessos no que toca à alimentação. No entanto, é importante que tente manter hábitos alimentares saudáveis, especialmente se está grávida.

O Natal e a gravidez: a alimentação

Existem alimentos que não são recomendados comer se estiver grávida, como alimentos crus ou mal cozinhados, álcool, patés, produtos não pasteurizados, entre outros. A melhor forma de evitar comê-los é saltar os aperitivos e passar directamente às refeições principais. Outra dica é respeitar os horários habituais de refeições, de forma a não saltar uma refeição e comendo de forma mais equilibrada.

 

No inverno, existem vários legumes e frutas que pode utilizar para as suas refeições e que possuem os nutrientes necessários ao desenvolvimento do seu bebé: kiwis, limões, espinafres e beringelas são alguns exemplos. Inspire-se e faça refeições saudáveis nos dias de inverno com estes ingredientes.

 

Outra forma de evitar comer demais é apreciar cada refeição, com calma, mastigando e comendo devagar. Assim, o seu corpo terá tempo de enviar o sinal de saciedade ao cérebro e não ficará demasiado cheia. Para reduzir a retenção de líquidos e inchaço dos pés e tornozelos, também deve fazer uma pequena caminhada depois das refeições.

 

Lembre-se que tudo o que você come ou bebe é uma fonte de alimento para o seu bebé. Portanto, é importante prestar atenção e cuidar dos seus hábitos de saúde durante os dias festivos com celebrações.